Tomara-que-caia

Decote radical

O tomara-que-caia completa setenta anos mais jovem que nunca

simple-strapless-mermaid-style-taffeta-wedding-dress

Preferido de nove entre dez noivas o decote tomara-que-caia ou sob-palavra para os brasileiros e “strapless” para o povo da moda internacional também é uma boa opção para as festas como casamentos, formaturas ou comemorações em geral.

Este é um decote cinematográfico.

decote

Rita Hayworth foi a primeira a abalar com um decote destes no filme “Gilda” ao cantar com um vestido de cetim preto inspirado em corseletes antigos, feito com armações de barbatanas de baleia, elásticos e entretelas criado em 1946, por Jean Louis, estilista da Columbia Pictures.

Desde então o decote se tornou um clássico da sedução.

Mas como o corpo fica mais exposto, é bom tomar certos cuidados.

Escolha-o quando precisar de um look sexy e forte ao mesmo tempo.

Encare

decote 2decote 3bebe-strapless-soft-pleated-dress-fuchsia-notte-by-marchesa-knockoff

  • Em braços magros, busto médio e ombros retos.
  • No corpo mais longo que as pernas.
  • Embaixo de blazers ou transparências se tem busto volumoso, braços e ombros redondos.
  • Com saia evasé ou pantalonas se tem quadris amplos e corpo magro.
  • Detalhes nos quadris que escondem volumes e diminuem busto e cintura
  • Esporte ou socialmente. Os tops tomara-que-caia fazem dupla com calças, saias e os shorts.
  • Os vestidos próximos ou descolados do corpo são curingas para qualquer parada.
  • Decote perfeito para vestidos de festa, mas devem ter uma boa estrutura para que o nome “tomara-que-caia” não se transforme em realidade. Quem não tem a habilidade para lidar com barbatanas e elásticos pode montar o vestido em cima de um corselete comprado pronto.
  • Use o formato em coração no busto fora de forma. É também o recorte perfeito para disfarçar busto caído.
  • Tomara-que-caia reto disfarça os seios grandes, mas firmes. Pode ser usado também por quem tem busto médio e pequeno.
  • Com tanta pele à mostra, o decote abre espaço para usar e abusar das bijuterias ou joias. Fica lindo com brincos grandes, broches de flor ou borboleta e também com muitos colares.
  • Use com sapatos delicados e mais altos.

Perigo

vestido-strapless-gipsy_iZ54XvZxXpZ1XfZ91970053-59663443779-1_jpgXsZ91970053xIM

  • Em quem está fora do peso
  • Se o busto é graúdo, pequeno demais ou caído.
  • Se a cintura está grossa ou a barriga volumosa
  • Costas redondas ou manchadas
  • Em colo manchado pelo sol
  • Se o decote forma gordurinhas entre o braço e a parte de cima do busto
  • Se o decote estiver apertando ou repartindo o busto. O elástico ou o grau de elastano deve ser suficiente para moldar o corpo, sem deformá-lo.
  • Tubos ajustados tomara-que-caia em quadris graúdos. Apertando busto, cintura e os quadris, eles vão parecer ainda maiores.
  • Não use no trabalho, a não ser em ambientes que permitam decotes e fashion.
  • Se a produção for esportiva evite colares, mas à noite ou socialmente os colares ou pulseiras são complementos bem vindos.
  • Evite modelos folgados no corpo que precisam ser “levantados” a toda hora. Além de gesto deselegante, demonstra desconforto.