O que vestir em um cruzeiro

Muita gente aproveita o Carnaval para passear em um cruzeiro de navio

Quando se pensa em um cruzeiro marítimo vem sempre à imagem de águas calmas e cristalinas, mas este paraíso se transforma em tsunami na hora de escolher as roupas para o passeio.

Para abalar na escolha do que vestir é importante saber a programação do navio, as cidades que vai visitar, se vai ter alguma ocasião especial (jantar com o comandante, festas temáticas), etc.

Quanto maior as informações da viagem menos possibilidade de mico e mais facilidades para montar a bagagem.

A mala ideal deve acondicionar muita roupa informal e alguns toques de sofisticação nos acessórios e mesmo que o cruzeiro seja no verão, carregue nas estolas, boleros, pashiminas, tricô e um casaco para as noites porque o ar condicionado dos navios é poderoso e quando a embarcação está em alto mar venta muito.

O que levar

Escolha roupas fáceis de combinar ou em cores neutras e muitos acessórios coloridos (lenços, colar, cinto ou calçado chamativo).

Vai aparentar sempre um look diferente, mesmo com a mesma roupa.

Dia

Roupas leves, confortáveis e práticas com composição de materiais naturais como o algodão e de fácil manutenção.

Vestidos (de diversos formatos) em jérsei de visco lycra ou outros materiais que nãos amassam,

Calça jeans mais sequinha e arrumada para usar de dia e a noite com blusa mais sofisticada

Mínimo de dois biquínis ou maiô (para ter sempre um seco)

Muitas saídas de banho (cangas, camisas, vestidinhos, shorts), pois na maioria dos navios não é permitido transitar na parte interna só usando roupas de banho.

Shorts em profusão, Bermudas.

Tops decotados

Calças de sarja

Roupas brancas em tecidos fáceis de lavar

Camisetas

Camisas masculinas para usar inclusive sobre a roupa de banho,

Casacos e jaquetas de malha de algodão ou lã leve, blazer transado.

Chapéu, fundamental (muitos). Ajuda também a esconder o cabelo quando a maresia faz efeito nos fios ou quando não der para dar um trato.

Óculos de sol (existem muitas lojas no navio que comercializam estes acessórios, se faltar na bagagem).

Roupas para prática de esportes, para as academias, pista de Cooper, golfe e programações saudáveis.

Já para os calçados invista no conforto, pois se caminha muito no navio e nos passeios.

Aposte em rasteiras, sabrinas, espadrilles, anabelas, tênis, sapatênis, sapatilhas e chinelos de dedo de borracha ou de luxo para compor com o guarda-roupa de viagem.

Sem esquecer pelo ,menos um sapato de salto para “causar” em certas horas.

Acessórios como cinto, colar e maxicolar e pulseiras conseguem dar um up imediato no look.

Escolha alguns acessórios básicos para que você possa combinar com várias roupas, sem esquecer alguns complementos exuberantes.

Escala em alguma cidade

Sapatos leves, tênis ou sandálias. Geralmente se anda muito.

Roupa básica e leve, nada muito refinado mesmo se for um roteiro em cidades noturnas

Noite

Apesar de você olhar as fotos do navio e achar que tudo é muito luxuoso, com o tempo vai se ligar que esse luxo tem hora certa.

Para saber mais sobre a programação noturna consulte o agente de viagens sobre as festas pré-programadas, como a festa à fantasia (ir a caráter é mais divertido, mas é opcional o uso dos trajes nesse caso), festa tropical (roupas mais coloridas) e a noite Black tie.

Nos acontecimentos que exigem categoria de vestir Black tié como o jantar com o comandante do navio, esqueça os longos bordados de madrinha de casamento.

Os vestidos longos são super bem vindos, mas não precisam ser necessariamente longos e nem muito elaborados.

Black tié não é igual a traje a rigor ou de gala.

Esta categoria de vestuário pintou com a praticidade do “american way of life” e exige uma imagem sofisticada sem afetação para as mulheres e smoking ou Summer para os homens.

O mais sensato e elegante é colocar na mala um vestido longo preto ou branco cavado ou com mangas para usar com uma pashimina colorida.

Combine com sapatos de salto alto, bijuteria fina, carteira pequena, cabelo e maquiagem simples, mas refinada. 

Homens

Durante o dia roupa de banho, bermudas, camisetas, chinelo, e para as escalas, roupas do dia-a-dia (jeans, bermudas, pantacourt, camisas fresquinhas e roupas bem leves, a não ser que tenha algum passeio luxuoso previsto).

A maior formalidade para os homens são as noites Black tie e o jantar do comandante com o uso de ternos ou trajes mais sociais como o smoking.

Para festa à fantasia e tropical a aventura visual fica por conta do passageiro.