O que ainda vale a pena comprar no exterior

Compras no exterior

Com dólar caro as compras fora do Brasil se tornaram um luxo.

Mas ainda existem produtos e peças de roupas com sotaque estrangeiro que vale a pena o investimento

Conforme o departamento de comercio americano 92% dos brasileiros que viajam têm como atividade principal fazer compras.

Eu não me enquadro neste perfil.

Prefiro gastar em teatro, hospedagem e alimentação.

E quando invisto em vestuário tento não jogar dinheiro fora.

Já comprei muito gato por lebre ou roupas que “não viajaram bem”.

Vestia maravilhosa no lugar de origem para virar figurino de circo no Brasil.

No entusiasmo das compras é comum trazer coisas que não combinam com o nosso estilo de vida ou produtos “Made in Brazil”, já que a nossa indústria do vestuário e acessórios fabricam muitos itens para exportação.

Em matéria de moda, o Brasil tem muitas opções (até importadas) e aqui se pode parcelar a compra e até escolher com mais tempo.

Além da modelagem ser mais próxima do nosso formato tropical de corpo.

E tem também  e-commerce que fez diminuir nos brasileiros esta febre de compras na viagem.

Mas é impossível não se influenciar pelas vitrines fantásticas e novidades da informática.

Relacionei alguns itens que considero sempre boas compras pelo preço ou qualidade da matéria prima

Alfaiataria

Ternos e paletós têm qualidade comprovada no exterior e preços razoáveis.

Bom investimento por durar muito tempo com a mesma qualidade.

Básicos de qualidade sem ornamentos

Vestidos, moletom, camisetas, moletom canguru, abrigo de moletom, camisas brancas clássicas sem detalhes ou ornamentos.

Absolutamente básicas, para durar uma década.

Couro

Modelagens básicas em couro macio e fininho em cores clássicas e duráveis.

Chapéu de sol ou de festa

Existem mil motivos para comprar chapéus nas seções especializadas das lojas.

Quem gosta de chapéus poderá encontrar tudo o que sonhou.

Tricô

Prefira os fios mais nobres como o cashemire ou a lã virgem.

Apesar de mais caros, duram mais tempo com a mesma aparência e é caro e difícil de encontrar no Brasil.

Grifes (muitas vezes em promoção)

Quem gosta de grifes de luxo aproveite as promoções que sempre acontece no fundo das lojas.

Já encontrei maravilhas por preços inacreditáveis.

Os cabides sempre se posicionam no fundo, não esqueça.

Já comprei roupas da Prada e Armani por custos inacreditáveis.

Claro que existem os “outlets” com grifes, mas é necessário muito tempo para estes locais de compras.

Eu prefiro as ofertas das lojas.

Maquiagem

Muito mais opções, novidades e preços incríveis, principalmente nas linhas mais populares.

A tributação da maquiagem no Brasil é muito alta e por isto até marcas de maquiagem famosas acabam acessíveis no exterior.

Perfumes

Os impostos no Brasil chegam a 75% nestes produtos considerados supérfluos.

Vale à pena investir no perfume favorito que no exterior chega a custar à metade do preço que no Brasil.

Meias finas ou estampadas

Meias sociais e esportivas são baratas em mil opções de cores e texturas.

Meias masculinas

Muitas opções de cores inclusive com fio elastano que facilita o vestir.

Gravatas

Preços e muitas opções nas lojas masculinas.

Fica difícil de escolher.

Quem curte gravatas borboletas vale a pena comprar em viajem ao exterior. Na França  e Estados Unidos se encontra em qualquer loja masculina formal.

Vale a pena também comprar abotoaduras para camisas sociais e prendedores de gravata e colarinho que voltaram a moda.

Óculos diferentes

Quem usa óculos por bossa ou necessidade terá bom motivos para comprar.

Os preços, mesmo nos óculos de grife são bem menores no exterior.

Capa de chuva (gabardine)

Um investimento que vai ser comemorado em todos os dias de chuva.

A melhor marca é a Burberry´s inglesa e os preços surpreendem pela qualidade e acabamento.

Legging em materiais diferentes

Tem maravilhas em matéria de leggings do metalizado a texturas que modelam o corpo.

Investimento seguro que vai permanecer na moda por muitas estações.

Boa compra também para a hora fitness.

Lenços de seda, echarpes

Sempre tem onde usar.

Os de grife são caros, mas existem opções baratas.

Lingerie modeladora

Fazem milagres. Compre também sutiãs tamanhos especiais (se tem muito busto).

Tênis

Lojas mantêm estoques enormes e confeccionam modelos personalizados.

Luvas de pelica e de festas

Vale à pena investir.

Além de bom acabamento, protegem do frio.

Jeans

As novidades em lavagem e modelagem começam sempre no exterior.

Mas prove com muito cuidado.

Mulheres europeias e americanas tem pouco quadris, diferente das brasileiras.

Roupas de festa

Tem de todo o preço e tipo de tecido.

Para quem tem costureira invista em tecidos diferentes ou de festa a metro. Têm maravilhas.

Sapatos de grife

Sempre tem promoção.

Prove muito bem porque em viagem os pés mudam de tamanho e podem não servir no Brasil.

Compre sempre sapatos pela manhã.

No final da tarde (como em viagem se anda muito) o pé aumentou um numero à mais.

Presentes

Uma amiga minha, a Gisela Markenson, adora comprar presentes de Natal para os familiares e amigos em qualquer época que viaja. Quando chega Dezembro ela já tem os presentes em casa. E qualquer compra no exterior, mesmo com preço baixo, soa original para quem recebe.

Temporadas de promoções no exterior

Ofertas  o ano todo

Estados Unidos

Janeiro

Na verdade, a promoção pós-natal começa no dia 26 de dezembro e se estendem até a primeira quinzena.

É possível encontrar uma grande variedade de itens com preços reduzidos, mas os mais comuns são os artigos natalinos (decoração e doces), roupa de cama, eletrônicos, câmeras, computadores, brinquedos, tênis.

Na segunda quinzena, por conta do Super Bowl, a final do campeonato de futebol americano, acontece a grande liquidação de TVs do ano.

Fevereiro

Dois eventos marcam as promoções do mês — o Dia dos Namorados (aqui chamado de “Valentine’s Day”) e o Super Bowl.

Depois do dia 14 de fevereiro, todos os ursos de pelúcia e caixas de chocolate em formato de coração custam menos da metade do preço original.

A promoção dos preços de TVs continua durante os dias que precedem o primeiro domingo de fevereiro, quando acontece o Super Bowl.

Novembro

O mês começa com descontos pós Haloween, em especial fantasias e doces, e termina com liquidações variadas — desde roupas até eletrônicos. O auge das promoções, durante a famosa Black Friday,  acontece na sexta-feira seguinte ao Thanksgiving (Dia de Ação de Graças).

E na segunda-feira seguinte acontece a Cyber Monday, quando lojas online fazem uma super queima de estoque.

O forte são os produtos eletrônicos e de informática, mas é possível encontrar um pouco de tudo.

Dezembro

As promoções e liquidações de Natal fazem de dezembro o mês em que as lojas mais faturam.

Paris

Duas vezes por ano, as lojas de Paris vendem o que sobrou de seus estoques da temporada com enormes descontos – até 75% – para abrir espaço para as novas coleções.

O estoque de inverno é liquidado em janeiro, e o estoque de verão em Paris começa na última quarta feira de junho, durante 6 semanas.

As datas nacionais exatas para as tão esperadas liquidações, ou soldes, são – sem causar surpresa neste país mais que burocrático – impostas pelo governo, ou especificamente pela Direction Départementale de la Concurrence, de la Consommation et de la Répression des Fraudes.

Para conferir essas datas, ligue para 01.40.27.16.00.

Nem todas as lojas mantêm suas liquidações por todo o período e os preços caem progressivamente durante o solde

Para conseguir uma redução expressiva no preço eu aconselho estar na porta do Bon Marché quando a loja abrir – em geral às 8h, principalmente no início das liquidações.

Algumas butiques menores, por exemplo a Prada (Rue de Grenelle 5, 6º, 01.45.48.53.14), colocam seguranças nas portas para que entrem dez  caçadores de pechincha por vez.

Uma tática eficiente é fazer uma vistoria nas lojas na semana anterior ao início da liquidação para identificar possíveis alvos.

Vista um uniforme de compras que seja prático – nada de sapatos com cadarços e nem roupas complicadas de tirar.