Mix’n’Match

Misture tudo no verão 2019

Temporada do  Mix n’ Match

Essa é a definição do momento para looks que misturam estampas, temáticas e texturas.

Esta técnica de misturar padrões apareceu muito nas coleções lançadas recente mente não hemisfério Norte

Na teoria pode parecer uma tarefa difícil, mas com prática e dicas corretas é possível sair da zona de conforto e montar looks incríveis usando a técnica.

Além de divertir e incrementar qualquer visual, as estampas também servem para evidenciar características do corpo, por isso tome cuidado na hora de escolher o modelo e o tamanho das estampas.

Vale a pena relembrar algumas regras das estampas para valorizar o seu corpo: as listras mais largas na horizontal ajudam a diminuir a região vestida, e as mais finas a aumentar.

Quanto maior a estampa, maior será a atenção voltada para a parte do corpo. Portanto quem deseja esconder as gordurinhas indesejáveis deve investir em estampas menores.

O segredo para misturar estampas é procurar elementos de uma na outra para garantir um visual equilibrado e sem exageros.

Dicas para casar estampas e texturas

Cores parecidas

Para quem ainda se sente insegura com a combinação, mas deseja dar um ar mais alegre para o look. A mistura de estampas e texturas com cores parecidas deixa o visual mais equilibrado. Para complementar o look aposte em acessórios neutros para manter o foco apenas nas estampas.

Uma estampa em destaque

Outra opção é escolher uma estampa que vá prevalecer no look inteiro. Opte por cores vibrantes e escolha uma estampa que seja maior e mais chamativa que a estampa menor.

Estampas com o mesmo tema

Listras com listras, floral com floral, oncinha com oncinha, entre outras, são ótimas combinações discretas de Mix n’ Match. Quando as duas peças compartilham o mesmo tema, o look fica mais harmônico e as estampas não brigam entre si.

Mix n’ Match nos acessórios

Para quem realmente não consegue usar combinações de peças com diferentes estampas, os acessórios podem ser uma boa opção.

Se você escolheu usar uma camisa listrada, que tal ousar no visual colocando um sapato de oncinha? Brinque com os acessórios e garanta um visual divertido e discreto.

T-shirts divertidas com estampas

O Mix n’ Match não é apenas a junção de duas estampas diferentes. Você também pode usar a técnica combinando t-shirts com temática divertida com outra peça estampada. O visual fica mais irreverente e estiloso.

Animal print com estampa floral

 

E por último: uma combinação clássica que dá certo para quase todos os looks: animal print combinado com estampa floral. Lembre-se da regra de juntar cores semelhantes nas estampas para deixar o visual equilibrado.

Texturas, cores e padrões são unificados mostrando que a tendencia “Mix’n’Match”, que já circula nas ruas das capitais da moda, pode ser chique e fácil de portar. Mas na moda a “aparente” mistura ao acaso têm regras estipuladas para que ninguém saia para rua como se tivesse vestido as roupas no escuro.

Botando para quebrar

Mixing and Matching Prints

O verbo mais conjugado na moda atual é quebrar.

Mas nem pense em falências ou outras desgraças, apesar da crise.

“Quebrar” (break) define um conceito de moda que mistura contrastes como o caro e o barato, brega e  chique, o luxo com trash, o brilho com o rústico, o tradicional com o pop. Quebra as regras em busca de um novo efeito com um ar de quem não quer nada, mas com algum elemento avisando que é tudo.

“Quebrar” sugere o uso de um jeans puído com uma blusa bordada, ou uma calça cargo em cetim de seda pura, por exemplo.

Ou estampas misturadas sem pudor

Nos editoriais da moda internacional este conceito foi batizado de “High-Low”.

Esta expressão inglesa designa a “quebra” feita com peças vindas de direções antagônicas: do “alto” (high) e do “baixo” (low). Uma proposta de moda que mistura isto e aquilo sem preconceitos.

A regra é descombinar para combinar

mix-and-match-32

Jeans Detonado e Diamonds

Madonna-Harpers-Bazaar-263387

A musa deste movimento foi Madonna.

Ela popularizou a tendência ao posar para a capa da revista “Harper’s Bazaar” , que  homenageou os seus vinte anos de estilo, posando com uma camiseta regata de algodão, boné Vintage, jeans e muitos diamantes no pulso.

Também no espírito “high –low” uma badalada festa patrocinada pelo jeans Diesel pedia no convite como sugestão de traje “jeans e diamantes”. 

Receita “High-Low”

 

Mesmo as revoluções precisam de ordem.

Esta apologia aos opostos que “bota para quebrar” com as regras pré- estabelecidas da elegância convencional exigem mais responsabilidade de quem usa para não “quebrar a cara” ou  não ser entendida.

Mais importante é que as “quebras” devem contar uma história, criar um olhar próprio, individual.

Quebrando tudo

e43a6f4ede9c9d80ceaf7cb362c86cef

Quebre o caro e barato

  • Quebre o que parece caro com peças comuns. Como o “jeans & diamonds”.

Quebre as cores

  • Quebre os tons neutros com cores cítricas, os escuros com o claro. Misture coloridos sem preconceito.

Quebre academia com urbano

  • Misture tênis prateado com terninho ou vestido, calças de jogging com blusa de paetês. Jaqueta canguru em moletom, nylon ou em tecidos sofisticados com roupas urbanas. Use uniformes esportivos misturados á básicos de cidade.

Quebre o ocidental com o oriental

  • Vista globalizada, com concepções orientais “quebrando” o estilo ocidental.

Quebre o bruto com o delicado

  • Misture tecidos firmes como o couro ou jeans com musselinas, sedas, rendas e bordados contrastando as texturas.

Quebre os padrões

  • Misture estampados diferentes conservando uma unidade visual nas cores, Quebre com as listras, em formato vertical para afinar a silhueta, horizontais para alargar, os motivos geométricos, florais ou pois.
  • Quebre os tecidos masculinos com texturas femininas das sedas leves, brilhos e acetinados.
  • Misture texturas de inverno com as de verão.

Quebre o dia com a noite

  • Quebre os tecidos foscos e roupas urbanas com lurex, bordados, brilhos, veludos, cristais, plumas e paetês.
  • Quebre saias ou calças esportivas, roupas informais e até o jeans com calçados metalizados, cetim ou verniz.

Quebre o feminino  com o masculino

  • Use paletós, camisas, gravatas e terninhos em tamanhos ajustados ou over-size, “dando uma quebrada” com saltos altíssimos, top de renda ou seda e muitos colares

Quebre o justo com o extralargo (over size)

  • O justo pode conviver com o largo em quase todas as peças. A ordem é ajustar o que pode ser mostrado e alargar onde sobra.