LAÇOS ETERNOS

Desde que Maria Antonieta resolveu enfeitar vestidos com laços que a moda nunca mais conseguiu desfazer o nó com este detalhe.

A fascinação feminina pelas amarrações começa cedo, ainda nos contos de fadas – é só se lembrar dos emblemáticos acessórios nos cabelos em Alice no País das Maravilhas e Branca de Neve.

Esse é um dos símbolos mais fortes do universo feminino e há quem diga que são poderosos amuletos para a sedução, por isto estão sempre presentes na moda intima.

O laço tem metros de história para contar na trajetória da moda

Usadas nos figurinos de cinema, as roupas com laço atravessaram as décadas como símbolo de sedução.

Foi o principal detalhe da década de 1950, enfeitou as sapatilhas da Chanel e virou símbolo de vários estilistas como Valentino (um eterno apaixonado por laços), Ferragamo, que usou um laço como tampa do frasco do perfume Bloom e da marca Christian Dior, que já colocou laços em vestidos e sapatos em quase toda a coleção desfilada em Paris.

Yves Saint Laurent sempre deu aos laços um grande destaque.

Lançou a blusa com gola de laço e em seus desfiles estas amarrações ganhavam destaque, até em tamanhos gigantes.

Porém os laços, além de garantir romantismo ao look, também nos remetem à infância, com o perigo de cair na caricatura.

Por isso é um detalhe que deve ser usado com prudência.

Seja com inspiração “girlie” ou “femme fatale”, a amarração pode roubar a cena tanto em composições formais quanto casuais, deixando o look mais feminino, qualquer que seja o seu estilo.

O update fica por conta da aplicação de laços e amarrações em uma releitura cool e, muitas vezes, minimalista.

Como e onde usar laços

Laços, lacinhos e laçarotes, pequenos, grandes ou exagerados combinam com praticamente tudo e podem ser posicionados no pescoço, cintura, cabelos, pés, ombros ou costas. Maiores ou menores, o importante é se adequarem sempre à proporção da roupa e do corpo de quem usa.

  • Use para marcar a cintura através de faixas de tecidos finalizadas com laçarotes. Vestidos ajustados, saias, calças e shorts são algumas peças do guarda-roupa que podem ser “enlaçadas”.
  • Estampados, coloridos, brilhantes, lisos ou neutros os laços renovam roupas manjadas.
  • Se o vestido ganhar aplicações de laços evite o detalhe nos acessórios
  • Nas carteiras, bolsas, pulseiras e broches, os laços pedem roupa neutra.
  • Laços na gola da blusa é uma excelente opção para atualizar terninhos.
  • Improvise um super laço com um tecido sedoso, uma faixa mais larguinha ou com uma fita bem linda no pescoço, na cintura ou no ombro de um vestido de um ombro só.
  • Use nos looks masculinos/femininos para aliviar o masculino.
  • Enfeite com laços sedosos camisetas ou blusas sem graça.

Os tipos de laços

Chanel

Duro e chatinho combina com qualquer silhueta. É o mais clássico e minimalista dos laços.

Laço presente

Com muito volume lembrando fitas de presente. O laço também pode ser duplo. Devem ser usados longe de áreas volumosas.

Laço borboleta

Com volume, mas mais achatado. Como uma borboleta. Apesar de importante no visual não cria centímetros a mais no corpo.

Laço assimétrico

Com apenas uma laçada. Moderno, minimalista cria volume nos ombros, decote e detalhamento de roupas sem exagero na informação visual, mesmo grandes.

Laço frouxo

Laço com as pontas e a laçada caída, sem volume. Pode ser usado sem medo em qualquer espaço do corpo.

Laço Modelagem

O laço se forma na modelagem da roupa como detalhe para decotes, golas e acabamento de saias ou vestidos. Precisa ser provado para conferir se funciona no corpo.

Laço nos acessórios

Nas bolsas já é um clássico. E também chegou aos pés. Amarração é palavra de ordem quando a ideia é compor um look inspirado no mundo do fetiche.

O uso das amarrações nos sapatos está sempre em alta, porque a tendência, além de garantir uma dose instantânea de sensualidade funciona tanto em saltos altíssimos quanto em flats perfeitas para o dia a dia.

Delicados e femininos, os “lace up shoes”, ou sapatos de amarrar, estão em alta e conferem ao look um charme a mais.

Da delicadeza da clássica e confortável sapatilha de amarrar ao incrível poder da sandália de salto, os versáteis sapatos com tiras funcionam em looks diversos, criando um ponto de interesse ao lado de peças básicas ou arrematando um visual arrojado.