Estilo Madonna inspira o verão 2019/20

Os anos 1980 estão de volta na moda

E nada é mais representativo que os looks de Madonna

Relembre e se inspire nos looks mais ousados da pop star

images

Ela sempre arrasa!

Divulgou grandes nomes da moda e fez do seu corpo um outdoor das tendências

Looks Madonna

Na década de 1980 , Madonna surgiu com seus cabelos assimétricos, misturas de roupas, chapéus,  colares de cruzes, acessórios Chanel e muita ousadia .

Nesse período estourou com os sucessos Lucky Star, Like a Virgin, Material Girl e lançou os álbuns Madonna (também conhecido como Primeiro álbum) e Like a Virgin.

  

Ainda nos anos 1980 , cortou os cabelos e deixou mais platinado.

Suas roupas ficaram mais ousadas e as polêmicas também aumentaram.

Madonna lançou o álbum True Blue , com a música Papa Don’t Preach , que abordou a gravidez na adolescência.

No fim dos anos 1980, Madonna investiu nos fios longos e castanhos.

Morena, vestiu jeans e blusas com referências hippies, longas e soltas.

No período lançou o álbum Like a Prayer, um dos mais elogiados de todos que já fez.

Na década de 1990, ainda com a turnê do álbum Like a Prayer, Madonna voltou aos fios loiros e um penteado inspirado Marilyn Monroe.

Foi neste período que a diva apostou nos toques sensuais e principalmente no clássico sutiã de cone, desenhado por Jean-Paul Gaultier.

Ainda nos anos 1990, Madonna escureceu os cabelos e deixou crescer.

Apostou no dente de ouro e sobrancelhas mais finas.

No figurino, roupas sensuais que acompanharam a fase mais polêmica da sua carreira ao lançar o livro SEX, o documentário Truth or Dare e o álbum Erotica, que abordava temas como a sexualidade, homoafetividade e AIDS.

Em 1997, Madonna se envolveu com a religião Cabala e apostou em cabelos longos e mais escuros.

Nesse período lançou o 7º álbum, intitulado de Ray of Light, que rendeu bons prêmios no Grammy.

Pouco tempo depois, voltou aos cabelos loiros, mais compridos e cacheados.

Nas turnês, Madonna usou chapéu de cowboy, calças apertadas, camisas ou camisetas, em referência ao álbum Music, que mesclava o country com pop.

Em 2000, ganhou seu segundo filho, Rocco, e em 2001 começou a Drowned Word Tour, que foi uma das turnês de maior bilheteria do ano.

Com o lançamento do álbum American Life,  Madonna voltou às madeixas morenas e lisas, mas logo depois, se rendeu aos fios loiros, com cachos mais largos e o cabelo ficou repartido ao meio.

No look dos palcos, couro, camuflados, regatas simples e calças jeans.

Em 2006, Madonna adere à franja lateral e roupas com referência aos anos 80: paetês, collant e jaquetas de couro coloridas.

A cantora incorporou no visual o brilho e provocações do álbum Confessions on a Dancefloor.

Apostou nas botas de salto fino e meia-calça.

A turnê do álbum gerou polêmica com a igreja, por usar nas performances símbolos religiosos.

Em 2006, a cantora lançava sua marca de roupas M by Madonna.

 

Com looks mais sérios de 2007 até 2012, os cachos da loira aparecem com mais volume e a cor dos fios ficou mais clara.

Nas roupas, cortes mais clássicos e novidades que não param: novo perfume (Truth or Dare), novo álbum (MDNA) e novo single (Give Me All Your Love).

Madonna

No tradicional baile de gala do The Metropolitan Museum of Art, Madonna surpreendeu ao surgir com look punk – e ousado – assinado por Riccardo Tisci, diretor de criação da Givenchy

A cantora fez questão de posar de costas para mostrar sua boa forma.

No entanto, a estrela teve de suar a camisa para exibir a comentada silhueta.

Em entrevista ao portal “The Cut”, a personal trainer Nicole Winhoffer entregou que fez treinos extras específicos para o bumbum nos dias que antecederam o evento.